Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi realizam coletiva de imprensa de “Os guardas de Taj Mahal”

0

Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi realizam coletiva de imprensa de “Os guardas de Taj Mahal” no Teatro Raul Cortez São Paulo.
A ação começa em Agra, na Índia, em 1648. Dois soldados imperiais de baixa patente montam guarda noturna diante de uma das mais impressionantes construções humanas, o Taj Mahal, suntuoso monumento de mármore branco que o imperador Shah Jahan mandou construir em memória de sua esposa favorita. Eles não podem vislumbrar a obra, que ainda não está terminada, sob risco de severa punição. É durante, portanto, o turno daquela noite que ao público se descortinam as trajetórias de Humayun e Babur, dois jovens amigos de caráter muito distinto. “E é essa diferença que permitirá o espectador notar importantes aspectos da condição humana”, atesta Rafael Primot, que adaptou e dirige (ao lado de João Fonseca) a peça Os Guardas do Taj.

João Fonseca, Rafael Primot, Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi ( foto Francisco Cepeda/AgNews )
Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi ( foto Francisco Cepeda/AgNews )
Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi ( foto Francisco Cepeda/AgNews )
Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi ( foto Francisco Cepeda/AgNews )
João Fonseca, Rafael Primot, Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi ( foto Francisco Cepeda/AgNews )
João Fonseca, Rafael Primot, Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi ( foto Francisco Cepeda/AgNews )

Deixe uma resposta