Picassos Falsos participa de tributo a Luiz Melodia no Circo Voador no Rio de Janeiro

0

Tributo ao Negro Gato homenageia Luiz Melodia no Circo Voador, “Estação Melodia  Tributo ao Negro Gato”,  com presença de Alceu Valença, Mart’nália, Frejat e Picassos Falsos que cantou “Magrelinha O coração do Brasil”de Luiz Melodia.
Picassos Falsos é uma banda brasileira surgida em 1985 no Rio de Janeiro. A banda foi uma das pioneiras, na geração dos anos 1980. A banda nasceu com o nome de O Verso, em 1985, no bairro carioca da Tijuca, apresentando-se em espaços undergrounds e bares na cidade do Rio de Janeiro. Na primeira formação pós O Verso, constavam Humberto Effe (voz), Abílio Azambuja (bateria), Gustavo Corsi (guitarra) e Zé Henrique Alves (baixo). Alvin L. foi quem sugeriu o nome Picassos Falsos ao grupo e produziu a segunda fita demo com três músicas. Em 1986, duas composições do grupo, “Carne e Osso” (Abílio, Caíca, Luiz Gustavo e Humberto Effe) e “Quadrinhos” (Pequinho e Humberto Effe), foram muito executadas em várias emissoras de rádios alternativas.

A marina mais bem equipada de Búzios
Romanholli, Gustavo Corsi e Humberto Effe ( Fotos Anderson Borde / Agnews )
Romanholli, Gustavo Corsi e Humberto Effe ( Fotos Anderson Borde / Agnews )
Romanholli, Gustavo Corsi e Humberto Effe ( Fotos Anderson Borde / Agnews )
Gustavo Corsi e Humberto Effe ( Fotos Anderson Borde / Agnews )
Humberto Effe ( Fotos Anderson Borde / Agnews )
Gustavo Corsi ( Fotos Anderson Borde / Agnews )

Deixe uma resposta